segunda-feira, 15 de maio de 2017

Programinha Tesudo na minha volta

Não... Eu não morri, não me mudei de país, nem fui abduzida, não saí da roda dos prazeres, apenas dei um tempo, sou uma mulher que curti estar inteira numa foda e não aos pedaços e na vida surgem certas curvas que nos ocupam de tal modo que não poderia me entregar como gosto, foi preciso... Mas estou de volta, podem soltar os rojões e o cinto, baixar as calças, a Pinup voltou!
E embora tenha  perdido muitos contos que estavam no meu netbook bichado, embora estivesse me preparando para retomar a pegada, meio incomunicável... eis que um cliente que atendi no princípio me procurou e tivemos um encontro delícia de relatar... Acho que o desejo abre portas para novos desejos, para o tesão despertar...
Tomei um banho demorado, fantasiando o que seria, mas sem me tocar, só a imaginação trabalhava, ela estava solta como sempre deveria ter estado, como voltou a estar... Logo que entrei em seu carro e nos cumprimentamos seguimos para o motel, suíte presidencial e Smirnoff Ice...
__ Vou jogar uma água no corpo...
Esperei por ele de calcinha e blusa, com um fogo na buceta... que queimava. Ao vê-lo nu, um cara normal, gordinho, casado, com o pau endurecendo (e que pau ) eu cruzei o quarto e me ajoelhei, já havíamos nos beijado, me roçou assim que entramos no quarto, ah que loucura o prazer!
__ Olha como cresce na minha boca...
Chupei gulosa para porra, lambi, mamei feito uma bezerra faminta, estava no cio... Mais de trinta dias se sem sexo eliminando problemas, sendo a melhor filha, a melhor moça da rua, abrindo mão de ser a melhor puta, a inspirada nas mulheres de Nelson Rodrigues, a consolidada pela liberdade despudorada das personagens de Anais Nin... Ai que saudade senti nesse período, que saudade eu sentia de mim nua e sem máscaras, devassa...
__ Que delícia... Que boca...
Adoro quando elogiam, adoro ouvir, falar... a ponte criada pela comunicação me fascina.
__ Vamos lá para cama, você pode me chupar melhor...
Deitado, não demorou muito para me convencer sem palavras de que era a hora de me sentar na piroca, de prepara-lo e gasta-lo com meu calor...
__ Ai que tesão...
Ainda estava só chupando, me engasgando, fazendo aquela garganta profunda e como uma serpente fui envolvendo-o, subindo em seu corpo, ficamos naquele jogo até que sem as mãos o encaixei em mim, dei aquela sentada gostosa, Rebolei, quiquei na pica, trabalhei a musculatura da minha xota naquele mastro, pulsei, massageei e voltei a pular sobre ele, a senti-lo se agarrar a minha cintura e socar forte, fundo... Gozei, gozei e gozei!
O safado anunciou:
__ Vou gozar...
E gozou também, dava para sentir o estremecer do seu caralho...
Hora da cerveja na hidro, dos cigarros, do verde, do bate papo, confesso que adoro esse momento, não rola com todos os caras, o que acho imensamente uma pena, porquê gosto também de pessoas e não só da trepada das galáxias, gosto de ouvir... de falar, é a pré preliminar do segundo round...  Entre um assunto e outro comecei a provoca-lo, falávamos de um cruzeiro de sacanagem, troca de casais e afins.
__ Imagina a gente no mar fodendo na frente dos outros, eu chupando esse pauzão, pegando juntos umas gostosas...
Falei e empinei a raba que submergiu entre a espuma, comecei a bater uma punheta para ele, a deixa-lo duro de novo, coloquei na boca e lá mesmo começamos a trepar, meteu em mim pelas costas de pé... A buceta piscava.
__ Vamos para cama.
Dessa vez fui eu que convidei, ele se secou e eu nem perdi tempo, caí no lençol molhada mesmo e fiquei de quatro enquanto ele me comia, me estocava e preparava meu cuzinho bem chupado, colocou toda sua delícia lá dentro, meteu me arrancando gemidos, palavrórios e risos.
__ Come... Come essa puta, come... Mete essa rola gostosa, tá gostando de comer meu cu? Você tá?
__ Delícia, cuzinho apertadinho... Quero gozar na sua boca dessa vez...
Me enrabou um pouco mais, me fez gozar no anal, então partimos para o boquete, chupei o macho de cabo a rabo, isso mesmo com direito a beijo grego até que explodiu num gozo abundante feito uma garrafa de champanhe no réveillon.
__ Que tesão... Que tesão...
Repetiu algumas vezes, eu fazia o mesmo em minha mente, vibrante por estar de volta e ainda melhor...

Espero que tenha curtido o relato 😉 e se quiser sair comigo... Whatsapp: 11969250048, atendendo em Jacareí SP, Informações por lá, dispenso curiosos... Beijocas!






Um comentário:

  1. ah te ashei... confesso que nao foi muito dificil..... mas to adorando sua postagens... to lendo aqui umpouco..... queria saber onde sera a sua proxima aventura sera que e comigo... sou do sexlog

    ResponderExcluir