segunda-feira, 18 de maio de 2015

Prazeres no Paradiso - CONTO COMPLETO

Há pouco mais de uma semana estive com André, ele me pegou aqui e bem... já sabíamos nosso destino. 
À caminho senti seu toque em minhas pernas e permiti que avançasse rumo à buceta, ou melhor... o guiei até ela.
_ Nossa como sua mão está fria, deixe eu esquentá-la, coloca aqui...
Sem calcinha dei à ele a chance de dedilhar-me em seu carro, potencializar meu fogo, minha umidade, meu cheiro... por mais limpa que uma mulher seja jamais perde sua essência de fêmea. Gemi ao pulsar em seus dedos e apalpei seu pau sobre a calça...
Motel Paradiso, chegamos e tivemos que esperar a suíte ser limpa, então aguardamos dentro do carro de vidros claros no meio do motel e não me contive. Brincar com aquela rola foi irresistível e da recepção podia-se ver tranquilamente nossa brincadeira. Havia algo para ser feito, algo que ele nunca tinha feito antes, não era virgem, muito pelo contrário, safado... mas dentre tantas safadezas ESSA ainda era para ele novidade e eu nem sabia disso, apenas do seu desejo que casou com o meu.
Entramos e fiquei de quatro convidativa ao que não se fez de rogado atendendo aos meu apelo, cedeu sua língua ao prazer meu e seu, devorando-me a vulva e o rabo, metendo-a em mim, me lambendo e satisfazendo a louca necessidade de ser saboreada como fruta. Rebolei e gozei, sim... eu gozei enquanto me invadia com dedos cheia de saliva.
Decidi ligar a hidro e ele me acompanhou. Levei comigo a cerveja e um cigarro alem do macho e enquanto a água foi subindo quentinha conversamos na beira dela sobre coisas sem qualquer importância, tanto... que se quer me lembro qual foi o assunto e comecei a excitá-lo mais para que logo me desse na boca mais que beijos.
_ Delicia...
Exclamei diante de seu membro latejante, vibrante, cheio de veias... e mamei como uma bezerra faminta, precisava daquilo, daquele caralho duro por mim. Lambi suas bolas e pedi:
_ Pega a camisinha, vem e me come.
Não estava mais aguentando de tanta vontade de ser comida feito uma cachorra e ele obedeceu à suplica da buceta encaixando-se por trás e preenchendo-a toda. Fico molhada só de lembrar da sensação. Ainda estava de vestidinho.
_ Gostosa.
Bateu na minha bunda.
_ Vem, vamos para cama.
Chamei e sobre lençóis continuou me fodendo com a bunda empinada para o lado dele na beirada da cama, nua e provocativa eu gemia à cada estocada sua até me render e gozar novamente ao que me virei e iniciamos um papai e mamãe delicioso, senti seu saco ir de encontro ao meu corpo e mais uma vez gozei e nisso voltei a chupá-lo, disse que queria seu leite, seu gozo e coloquei em prática o que jamais ele havia feito, pouco a pouco avancei, eu lambi... sua virilha, seus testículos firmes, seu pau... chupei como se não houvesse jamais a oportunidade de chupar outro igual e desci no compasso dos desejos que envolviam a cena, o momento era propício e minha boca ousada finalmente pode explorar aquele botão apertado jamais possuído, jamais saboreado... acho pudores uma merda, aprecio um belo beijo grego, aprecio... ver o cu piscar, o pau vibrar dobrado... as veias do seu cacete dilatadas, ele duro feito um diamante, André... gemendo gemidos de homem, macho, tesudo, levado pelo prazer, puto como se deve ser... em minha alcova só há lugar para  pervertidos e hedonistas.
_ Bati punheta...
Sussurrei e ergui seus quadris, há quem diga que me transformo diante de um cara com pernas para o alto, que meu rosto se transfigura, torno-me mais... mais do que possam me imaginar, vou alem, vou com tudo... chupei aquele rabo masculino safado e pude perceber pelas piscadelas, pelo urros, pelo jato... que gostou de mais.
_ Vou gozar! Ah...
Porra na cara, meu rosto... maquiado, modestamente... bonito, lavado pelo efeito que causei, o primeiro, apenas o primeiro...
_ Acho melhor a gente ir para hidro que já deve estar vazando águas pelo ladrão.
Fomos e... conversamos mais uma dezena de bobagens sabendo bem que o que nós queríamos era prazer, só prazer, mais e mais. Nesse instante me revelou que fora sua primeira experiência com beijocas no cuzinho e que achou "estranho", sorri.
_ Mas seu pau ficou extremamente duro, muito mesmo... e você gozou rios.
Ao perceber sua rola dura de novo enquanto se punhetava caminhei entre as águas da banheira roxa e pedi que se sentasse na borda. Comecei a chupá-lo novamente esquecendo a cerveja e o badeco que estava fumando, minha boca só queria rola, rola... e como a dele é gostosa... benza deus... emendei o boquete numa espanhola cheia... de tesão genuíno e foi aí que ele fez:
André bateu na minha cara e foi maravilhoso, tapinhas sacanas desses que esquentam e apimentam, desses que as mulheres de verdade curtem porque são mesmo bons e em poucos minutos veio a nova jorra dessa vez em meus seios, adoro vê-los cobertos de porra.
Retomamos o diálogo, sou uma sereia plus size, adoro estar na água, conversando sobre tudo entre um cigarro, uma taba, uma cerveja... Oh que rapaz de recuperação rápida, rola rígida de novo, eu vi... e não resisti, começou a me tocar, comecei a tocá-lo e pegou mais uma camisinha, me fodeu na banheira me comendo a buceta por trás... voltamos para cama onde o prazer tem mais conforto e logo se meteu em mim de lado do jeito que eu gosto porque entra mais e em seguida abri bem as pernas para senti-lo aconchegar a pica bem no fundo, que maravilha... só sabia pedir:
_ Come, isso, adorando ser sua puta, então come... mais, mais mais!
Ele comeu... e aí decidi ir por cima, acho que ele pediu, ou eu escutei seus pensamentos, vi que estava cansado, porém sem querer parar e por isso continuei sacudindo meus seios diante da cara dele, meus grandes seios de auréolas cor de chocolate quente, meus mamilos tão duros, eram espelho do que sentia e meu grelo também estremeceu, decidi me posicionar de quatro novamente e André colocou então a cabeça de seu delicioso membro em meu rabo lubrificado e não meteu até o fundo, tirou o cacete, arrancou a camisinha e gozou sobre minha bunda redonda e firme de 117cm de circunferência enquanto também gozei molhando meus dedos.
Sentada sobre uma linda poltrona vermelha disse para ele que adoraria que  ela e a hidro fossem dobráveis para coloca-las em minha bolsa e leva-las de souvenir. Estava exausta.
Tarde da noite, ele disse que acordaria cedo e assim nós interrompemos a sessão de prazeres no Paradiso.
Antes da meia noite André me deixou em casa e depois de ser tão bem comida eu dormi feito um anjinho caído.

Gostou do conto?
Então siga a página e tornando-se membro no quadro à direita do blog.
E para contratar meus shows via Web e Pacotes de Interatividade citados na foto do post solicite informações inbox através do meu Face: Fernanda Pinup
 https://www.facebook.com/profile.php?id=100003273851353
Ou pelo Email do blog: historiasdapinuptatuada@live.com
Pcts de 7, 15, 30 e 60 dias incluindo fotos, áudios e muito mais, confira!
Beijos gostosos e até a próxima

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Com vontade de dois, três... ou mais. Recordando minha ultima festa.

Para quem sentiu saudades... Um beijo de língua. 
Essa foto foi enviada hoje para meus assinantes do whatsApp sem estrelinhas censurando, interessados em receber também leiam as informações no final do post. Boa Leitura s2


Ah...Faz tempo que não faço nenhuma especie de festinha com mais de um convidado e acho... que estou precisando disso: Mãos, bocas, rolas, homens... no plural. Desejo imenso de me fartar de prazer e quando penso nisso... só consigo me lembrar de uma cena: CKW e Nefastus em minha frente com seus enormes caralhos duros em perfeito sincronismo, entramos num acordo diria... silencioso embora entre gemidos e palavras fortes daquelas gostosas de baixo calão e então fizeram rodízio em minha boca, penetraram meus lábios, foram sugados, lambidos, chupados... enquanto atrás de mim Rafael me comia com estocadas ritmadas e uma pegada deliciosa, agarrado a minha cintura ele fodia e fodia meu rabo sem pena, era o único casado e os casados... por Y motivos me enchem de tesão, eles me atiçam, fico acesa com casadinhos que assim como ele procuram sinceramente agir como verdadeiros homens de família, mas que se perdem... se perdem diante de um convite meu e perdem o juízo, eles perdem a vergonha na cara e eu adoro... tão putos, tão gulosos, tão...
_ Come meu cu casadinho safado, come gostoso...
Rebolei na pica, senti bem no fundo e pedi um DP enquanto me engasgava com os caralhos colados na cara, dava para sentir o cheiro específico de cada um deles e isso me satisfazia, mas eu queria mais, então me sentei sobre CKW de costas para ele ocupando meu cuzinho com sua pica enquanto a buceta ficou por conta de Nefastus que fodeu sem culpa, socou intensamente, porém seu colega em baixo de mim já estava cansado, foi o primeiro a começar a brincar comigo, então Rafael já por conta da putaria disse:
_ Sai daí então e deixa eu comer mais um pouco.
Dei aquela sentada no seu colo e abri bem as pernas com ele todo em meu derriére, Nefastus continuou comendo minha xana deliciosamente e CKW... me deu seu membro para mamar, logo endureci de novo aquela rolona.
_ Preciso gozar!
Casado descarado... se arrancou do meu cu, tirou o preservativo e mirou a cabeçorra no meu rostinho e recebi... o primeiro jato de porra quente e extasiante, logo veio o segundo.
_ Toma putinha...
CKW gozou... sua porra grossa e leitosa. Nafastus demorou um pouco mas esporrou também. Que delicia é tomar um banho desses, fiquei toda lambuzada, toda suja e me senti maravilhosa, gozei só de me olhar daquele jeito no espelho e perdi a conta de quantos foram ao todo meus orgasmos na noite.
Quero de mais... algo assim outra vez.

Quer receber minhas fotos sem censura diretamente no WhatsApp  consulte os pacotes:
http://pinuptatuada.loja2.com.br/3543511-Fotos-diarias-em-seu-WhatsApp-pct-7-dias Pct 7 dias
http://pinuptatuada.loja2.com.br/5086688-Fotos-diarias-em-seu-WhatsApp-pct-15-dias Pct 15 dias
http://pinuptatuada.loja2.com.br/5086726-Fotos-diarias-em-seu-WhatsApp-pct-30-dias Pct 30 dias
Aceito no momento apenas pagamentos via depósito bancário.
E para me assistir pela webcam acesse também  http://pinuptatuada.loja2.com.br/ 
Informações inbox através do meu Facebook Fernanda Pinup 
ou através do email do blog: historiasdapinuptatuada@live.com