segunda-feira, 20 de julho de 2015

Noite de Diversão.

Eu até pensei em dizer não, mas quando o convite veio... em nome dos bons tempos e de tanta coisa já vivida...sua participação como mentor e comedor em minha primeira orgia, as transas no quintal de casa, nossa sexual sintonia... em nome do prazer, do fogo, da minha boca gulosa e da minha buceta insaciável, e do pauzão... duro, fodelão estalando em minha cara, desmarquei o compromisso que tinha com outro e topei revê-lo, porque alem de tudo isso eu gosto...de saber que estou saindo com um cara considerado bom rapaz na cidade, vivemos numa "vila" onde ambos somos muito conhecidos cada um a seu modo. Me excita a ideia de que seja somente eu a saber o quanto ele puto.
_ O carro do %&#$ ?!
Por motivos óbvios não posso aqui revelar o nome do dono do carro, porém o fato é que sempre saímos nesse automóvel que pertence a outra figura popular em nossa província, foi prazeroso vê-lo novamente estacionado em frente a meu santuário de sapos. Tenho cinco sapinhos de verdade, definitivamente sou dada à excentricidades, dada... essa é a palavra que melhor descreve meu estado naquela noite de Quinta, embora tenha me comportado feito uma donzela à caminho do motel.
Ao chegarmos... super à vontade ele se deitou na cama e começou a apertar um do verde com sabor cítrico para compartilharmos. A princípio eu fiquei de pé, depois me sentei ao seu lado e estiquei as pernas deixando subir o vestido curto da mesma cor do que fumávamos enquanto conversávamos. Passei a mão em seu peito.
_ Saudade de você...
_ Eu também, maior cota que a gente não se vê...
Houve uma época que tivemos encontros constantes fodas deliciosas em minha varandinha  para os vizinhos e curiosos espiarem o quanto quisessem, embora... pensássemos que estávamos disfarçando.
_ Verdade...
_ E Senhorita já tá toda... ouriçada.
_ Eu?!
Rimos...
_ Estou mesmo... mas será que só eu?
Falei e segui com a mão por cima de sua calça alcançando o membro duro e não foi surpresa alguma encontrá-lo nesse estado, acariciei levemente por cima da roupa até que o safado se libertou dela e da cueca samba canção que eu particularmente acho muito sexy e que escondia toda aquela pica deliciosa... olhei a rola piscando para mim e não desejar sentir seu gosto na boca, seu cheiro ao alcance das narinas, seu pulsar na língua afoita e delirante foi simplesmente impossível.
_ Safadinha...
Coisa boa que é mamar um caralhão como o dele,  lambi, chupei, subi e desci com os lábios, consumi... aquela maravilha e finalmente nos beijamos enquanto continuei interagindo com o pau, punhetando, sentindo as veias.
_ Seu puto...
Voltei meus beijos ao seu caralho e passei as pernas pelo seu corpo, My Eternal CKW666 empurrou minha calcinha para o lado, dedilhou minha xota molhadinha pedindo por mais que dedinhos, pedindo por mais... então praticamente enfiou o rosto entre minhas coxas chupando-me de todas as formas possíveis e impossíveis e intercalando entre lambidas na buceta e em meus pés, levando-os até sua boca, sugando meus dedos... morro de tesão nos pés...
Paramos para  ele dar uma olhadinha no celular e eu no meu já que um dos meus serviços é interagir com meus assinantes do WhatsApp, porém não perdemos o fogo e nem o foco, fui passando minha bunda em suas costas até me sentar encostada nele enlaçando sua cintura com minhas pernas postas para trás e com meus pés o masturbei, nunca havia feito desse jeito, um de costas para o outro, foi sensacional  pude mais uma vez ter os dedinhos chupados, lambidos e saboreados por ele. 
_ Me come...
_ É? Quer que eu foda a bucetinha? Quer?
_ Quero...
O tesudo encapou seu desejo e ao me ver de quatro deu aquela cuspida gostosa no cu e na buceta antes de meter e colocou cm por cm lentamente ao que pensei: É mesmo um ordinário... Leva a serio ser gostoso e que bom... pouca gente sabe  que joia ele guarda no meio das pernas e como trepa assim tão deliciosamente sacana e o quanto abraça minhas loucuras, topa fazer show na cam comigo, topa sair com casais, topa muita... muita coisa... é um pervertido.
_ Quem é sua puta?
Gritei entre gemidos prazerosos no embalo das estocadas do membro seu e da retirada de minha
calcinha.
_ Você.
Sentindo-o meter com força, foder apressado e ritmado, sem pressa... rebolei.
Ah se meu grelo falasse, teria dito tanta sacanagem...
CONTINUA.

Quer conhecer o final dessa história?
Então assine um dos meus Pacotes de Interatividade e receba-a inteirinha num áudio bem safado diretamente em seu whatsApp, alem de minhas fotos mais sacanas, SexPhones, vou te contar tudo e muito mais ;)
Pacotes de 7, 15, 30 e 60 dias.
E os shows na cam continuam! Informações: historiasdapinuptatuada@live.com ou pelo meu face: Fernanda Pinup

terça-feira, 14 de julho de 2015

Brincadeiras Ousadas


Luck é  o tipo de cara chegado a coisas mais exóticas, ou diria... menos convencionais. Normalmente nossos encontros são programados com certa antecedência para que eu possa providenciar o necessário para saciar suas fantasias, hoje... nossas, ele se tornou um grande amigo alem de ser claro um dos putos mais safados com os quais já tive a oportunidade de trepar, assim quando vamos sair ele me envia um cash de plus e para os apetrechos que serão usados na foda, adoramos brinquedinhos e acessórios, transas cheias de fluidos e sacanagens, ele me come e eu o como muito mais, lembro-me... dele chupando a minha buceta com o vibrador massageando meu grelo, ligando-me num ritmo frenético.
_ Goza... goza putinha...
Gozei vestindo-o em seguida com um anel peniano de couro que realçou as veias do seu caralho, beijei sua boca, chupei o seu pau durérrimo até encostar nas bolas e excitada dei um tapa na sua bunda e pedi para ficar de quatro. Em seguida dedilhei o seu cu com o dedo levemente, lambi a portinha e coloquei minha cinta, meu dildo... lambuzado de lubrificante bem na entradinha, Luck empinou o corpo e na hora pensei: Ah se essa minha vara fosse verdadeira, agora eu sentiria o piscar do cu guloso dele...
Com certeza eu sentiria...
Agarrei-lhe a cintura e mergulhei,  o macho... gemeu alto sob o efeito das estocadas completamente tarado ao ser fodido pelo rabo enquanto eu lhe mandava tomar no cu totalmente insana de prazer, confesso que curto foder um cuzinho, beijo grego e o escambau.
Me empolguei e meti sem pena até gozar motivada por sensações que vão alem das meramente físicas.
Luck avisou:
_ Agora é sua vez.
Eu já sabia que depois de ter o cu bem comido a primeira coisa que gostaria de sentir era o meu piscando em seu caralho quente, então o safado pegou a camisinha, enquanto me posicionei na posição de cachorra esperando a pica até que ele veio...

Quer conhecer o final dessa história e de outras minhas vividas com Luck e também com outros fãs e amigos?
Então assine um dos meus Pacotes de Interatividade e receba-as semanalmente inteirinhas em áudios bem safados diretamente em seu whatsApp, alem de minhas fotos mais sacanas, SexPhones,então vem... que eu vou te contar tudo e muito mais ;)
Pacotes de 7, 15, 30 e 60 dias.
E os shows na cam continuam! Informações: historiasdapinuptatuada@live.com ou pelo meu face: Fernanda Pinup